Sobre Várzea Paulista

Cidade de Várzea Paulista

A história de Várzea Paulista começa em 1867, quando os ingleses construíram a estrada de ferro que liga Santos a Jundiaí. A estrada passava por uma várzea campesina, com um saliente acidente geográfico e as águas cristalinas do rio Jundiaí.

O local começou a ser povoado dezenove anos depois da inauguração desse trecho ferroviário, no final do século XIX, mais precisamente em 1886.

O primeiro morador varzino foi Isaac de Souza Galvão, que montou a primeira olaria do local. Consta que a cidade também participou do ciclo do café, que acabou com a intensa geada de 1878.

A empresa franco-ítalo-suíça Societé des Distilheiries Brasiliennes instalou uma destilaria de álcool em terras varzinas e viveu tempos prósperos até 1888, quando finalmente foi abolida a escravidão. Em 1891 foi inaugurada a Estação Ferroviária, com arquitetura e materiais ingleses.

Em agosto de 1956, o Cartório Civil teve seus livros liberados para assentamentos. O nome do distrito era Secundino Veiga, em homenagem ao jornalista que morreu na época.

-O primeiro registro de nascimento foi realizado em 14 de agosto de 1956.
-O primeiro casamento foi realizado em 05 de setembro do mesmo ano.

O cartório substituiu a denominação de Secundino Veiga para Distrito de Várzea, em alusão ao terreno ribeirinho, baixo e plano, situado às margens de um rio. Várzea ainda era distrito de Jundiaí quando Antenor Fonseca foi eleito vereador, representando-a na Câmara Municipal de Jundiaí, de 1960 a 1963.

Em 1964, um grupo de varzinos, formado por Francisco de Assis Andrade, João Aprillanti, Armando Pastre, Victorino Vieira Santana, Antenor Fonseca, Benjamin de Castro Fagundes, Milton Lebrão, Otávio Félix e Farid Feres Sada se reuniu para requerer a emancipação político-administrativa do local. A Assembléia Legislativa de São Paulo deu início ao movimento de emancipação por meio da lei estadual 5820.

No dia 21 de março de 1965 o bairro foi elevado a Cidade de Várzea Paulista. O Paulista no nome da cidade surgiu como identificador de mais uma conquista dos bandeirantes.

A boa localização junto à estrada de ferro e o pioneirismo econômico renderam à Várzea Paulista uma situação privilegiada em relação à quantidade de indústrias instaladas. A partir da emancipação e até aproximadamente 1972, ocorre a organização da estrutura administrativa da Prefeitura recém instalada, cadastrando as propriedades imobiliárias, as fábricas e casas comerciais para o lançamento de impostos.

Também tem início o alargamento de ruas e assentamento de guias e sarjetas. Com o passar do tempo, começa o serviço de saúde e a construção do primeiro conjunto habitacional, edificando dezenas de unidades no bairro da Promeca. Foram também adquiridos, através de desapropriação, os galpões do atual Paço Municipal. Criaram-se mecanismos para aumentar o parque industrial, atraindo as primeiras fábricas da Várzea Paulista emancipada, como a Elekeiroz, que em 1923, adquiriu um terreno para construção de sua fábrica.

Habitantes

Nos últimos anos Várzea Paulista teve um crescimento populacional vertiginoso. Em 1970 o número de habitantes era de 9,910, saltando para 33.835 em 1980. Quase 30 anos depois chega a soma de atual de 107.211 mil. O crescimento coloca a cidade como a segunda mais populosa da região de Jundiaí.

Atualidades

A cidade das orquídeas

Em 2005, ao completar 40 anos de emancipação, Várzea Paulista conquistou sua identidade cultural ao se tornar a Cidade das Orquídeas. Reconhecida como um dos maiores pólos produtores de orquídea na América Latina, a cidade conta com cinco orquidários de grande importância, além de cultivadores e centenas de orquidófilos.

O orquidário Biorchids, localizado no bairro do Mursa e considerado um dos maiores da América Latina, chega a produzir mais de um milhão de mudas ao ano, exportando para países como China, Tailândia e Estados Unidos.

Por sua importância no desenvolvimento econômico e social do município, desde 2005 a Prefeitura realiza a Orquivárzea, congregando orquidófilos de todo o Brasil, numa exposição que reúne mais de 10 mil espécies. A festa é também um momento de efervescência cultural, divulgando talentos da região e trazendo artistas renomados e de alta qualidade para a festa que recebe visitantes de várias partes do Brasil e também do exterior.

Para homenagear a comunidade de moradores desta maravilhosa cidade, o Encontra São Paulo criou o Encontra Várzea Paulista .

Fonte: http://institucional.varzeapaulista.sp.gov.br/

Blog do Guia da Cidade Várzea Paulista

Receba notícias por e-mail
Cadastre-se e receba notícias de Várzea Paulista por email

 

Cidades de SP: Limites - Cidades Vizinhas

Campo Limpo Paulista, Jundiaí e Franco da Rocha.

Dados Principais sobre Várzea Paulista

Aniversário: 21 de Março
Fundação : 1886
Gentílico: varzino
Área: 34.627 Km²
População 107.146 hab. (2010)
IDH 0,795 - médio
Prefeitura Várzea Paulista


Brasão de Várzea Paulista
Brasão de Várzea Paulista

Bandeira de Várzea Paulista
Bandeira de Várzea Paulista

Vídeo sobre a cidade de Várzea Paulista
Veja mais vídeos sobre a Cidade de Várzea Paulista

Mapa Várzea Paulista

 

Moradores ilustres de Várzea Paulista

 

   

  Sobre o EncontraVárzeaPaulista
Fale com EncontraVárzeaPaulista
Anuncie no EncontraVárzeaPaulista
Cadastre sua Empresa no EncontraVárzeaPaulista (grátis)


Termos EncontraVárzeaPaulista | Privacidade EncontraVárzeaPaulista